Musicas

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Sozinha!!!!

Apesar da noite estar quente, eu sentia o corpo a tremer com frio. Ao longe as ondas do mar dançam a sua própria melodia. Dançar como eu adoro dançar mas...tudo em mim parece preso, desgastado.
O meu coração deambula dentro de mim, sem encontrar caminho nem alguém, que o faça bater ao mesmo ritmo. Não gosto destas acelerações que as paixonetas lhe dão, num momento tenho o mundo, no outro o vazio!
Não gosto de estar só, quando tenho um coração do tamanho do mundo, cheio de tudo e de nada.
A vida está a passar por mim e eu não quero isso, quero ser eu a passar por ela.
Quero ser eu a comandar o meu destino, quero ser eu a agarrar os remos, quero ser eu a convidar quem eu quero, para entrar no meu barco.
Não gosto de usar muita roupa, sou obrigada pelo meu corpo tremulo e descoordenado.Dou por mim a dançar, os meus braços estão livres o meu cabelo envolve os meus ombros, sinto a tua presença, sinto o teu cheiro, oiço o teu sorriso alegre e feliz, sinto as tuas mãos a envolver as minhas, a tua respiração quente!!!
Como gosto de estar contigo, de sentir o teu ritmo igual ao meu mas...quando deixarei eu de sonhar, quando será que consigo sair deste sonho pesadelo, que me dá e tira tudo.
Não quero continuar a verter lágrimas de dor, adormecer embalada por desejos que me consomem, que me rasgam por dentro, que me fazem gritar de dor.
Não existe nada pior que a dor do desejo, enche-nos ao ponto de não conseguirmos respirar e depois, depois deixa-nos  um vazio tremendo, um abismo, uma ferida que não sara!!!
Abraça-me não vás, fica junto de mim para sempre.
Tu sabes que tudo em ti já faz parte de mim, que somos apenas um.
Tu sabes que temos tanta coisa em comum.
Tu sabes...
#ramgi